A velha aula de gramática

A escrita surgiu como uma necessidade humana de se comunicar e, sobretudo, de perpetuar sua história para a posteridade. Pesquisadores dedicam-se ao estudo dos sítios arqueológicos nos quais as figuras rupestres narraram o cotidiano e as situações próprias de nossos ancestrais. Entender o passado é uma forma de evitar o erro... A escrita é um... Continuar Lendo →

Anúncios

Meu Deus, fiquei para tia?

O jargão das ditas solteironas retiniu como epifania em minha terceira década de vida. Bastou um encontro furtivo com uma coleguinha de infância para que onomatopeias saltitassem ao meu redor: zaz, puf, pof, bang...! (e quantas mais imaginar!), enquanto a voz amiga inquiria: "você se casou?", ressoando como um sino ao relógio biológico: meu Deus,... Continuar Lendo →

Assim caminha a humanidade: conectados

Somos cercados pela comunicação. A internet invadiu as relações humanas, proporcionou rapidez e informação imediata. Abrimos nosso entendimento ao leque de oportunidades e de possibilidades no que tangem o conhecimento e o saber. Somos cercados por notícias e novidades as quais nos bombardeiam com hipertextos. Buscamos, hoje, ironicamente, as fontes virtuais para a descoberta de... Continuar Lendo →

O Grito do silêncio

Olhares evasivos conectados à tecnologia de bolso vociferam o grito do silêncio. Embora contraditório, vivemos a era do grito do silêncio, em que estamos ausentes de nós mesmos. Buscamos, incessantemente, a comunicação. Ainda assim, a cera permanece esculpida diante de nossa face. O outro é a forma de existirmos, enquanto seres sociais, suposto coautor de... Continuar Lendo →

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: